Buscar

Olimpíada, uma associação do bem!


A Olimpíada e a Paraolimpíada de Tóquio, a serem realizadas em julho e agosto, apresentam grande oportunidade de associação das marcas a princípios cada vez mais valorizados em todo o mundo, como ética, compliance, sustentabilidade, tolerância e atitudes social e politicamente corretas. Ótima notícia é saber que para usufruir desses conceitos não é necessário comprar direitos dos numerosos produtos licenciados. Basta uma boa estratégia de comunicação, com foco no negócio de cada empresa.

O esporte é muito identificado com vida saudável, trabalho em equipe, esforço para a conquista de resultados e respeito aos adversários (que se traduzem em concorrentes no universo corporativo) e ao público (o consumidor). No caso da capital japonesa, a competição ganha especial conotação de sustentabilidade. As medalhas de ouro, prata e bronze estão sendo fabricadas com metais extraídos de milhares de toneladas de aparelhos eletrônicos usados, voluntariamente doados pela população. As tochas olímpicas são de alumínio reciclável. As camas da vila dos atletas foram feitas de papelão reaproveitado, de alta resistência.

Há, ainda, a feliz imagem, que certamente se repetirá em Tóquio, dos torcedores japoneses recolhendo o lixo nas arquibancadas após assistirem aos jogos de sua seleção na Copa do Mundo do Brasil, em 2014, e da Rússia, em 2018. Um exemplo de consciência cívica e ecológica para o Planeta! Nos Jogos Paraolímpicos, as mensagens, muito positivas, também são claríssimas quanto à importância e garra de pessoas talentosas, com alta capacidade de superação e realização, e respeito a todos e às minorias.

Seja qual for o segmento de atuação de uma empresa, o grande evento esportivo de 2020 oferece infinitas possibilidades de associar a marca a conceitos do bem! Basta escolher as mensagens mais aderentes ao negócio de cada organização e desenvolver campanhas de assessoria de imprensa, mídias sociais e marketing. É hora da criatividade!

17 visualizações